Agência KMC 25 Anos

7 características de uma pessoa competente

Você se considera uma pessoa competente?

Independentemente de qual seja a sua profissão, existem certas características de um profissional, que são valorizadas em qualquer área do mercado de trabalho. São características que separam os excelentes profissionais dos profissionais medianos.

Para aqueles que levam a sério suas carreiras e desejam desenvolvê-las para que cresçam e lhes tragam excelentes resultados, é importante estar atento a estas características, pois o profissional que tem todas, ou pelo menos grande parte delas, consegue ser bem-sucedido como sempre desejou.

É importante lembrar que não existem profissionais perfeitos e que tentar alcançar a perfeição pode acabar te deixando frustrado no decorrer da construção de sua carreira. O que você pode fazer é demonstrar esforço em melhorar a sua performance, comportamentos, habilidades e competências, uma vez que, fazendo isso você tem cada vez mais chances de crescer e ser reconhecido pelas empresas no mercado.

Abaixo, listo algumas características com as quais considero que uma pessoa é considerada competente. Confira e coloque-as em prática!

1 – Determinação

É o principal item, pois o sucesso não existiria sem a determinação de cada indivíduo. Na vida profissional, determinação vale mais do que talento.

Ela consiste na capacidade de definir objetivos, pois sem eles não chegamos a lugar algum. Por isso, estabeleça metas com prazos coerentes e cumpra o que você se dispôs a fazer. Aprenda, sem objetivos bem traçados é impossível atingir suas metas!

2 – Motivação

O segundo motor que nos impulsiona para a realização pessoal e profissional é a motivação.

Esta é a chave para o sucesso no ambiente profissional, tanto a nível individual quanto para a empresa. Isso porque ela está relacionada à satisfação e à produtividade, o que afeta diretamente o negócio.

Ela surge a partir do fato determinante que leva alguém a praticar uma ação. Temos, por exemplo, desejos naturais, como comer e dormir. Além disso, tudo o que nos acontece é fruto da nossa mente. Por isso, ter pensamentos positivos e desafiadores são fundamentais para que tenhamos motivação para seguir em busca dos nossos sonhos.

3 – Autoconfiança

autoconfiança é uma das principais habilidades que todo profissional precisa desenvolver para conquistar uma carreira sólida e se destacar no mercado.

Uma pessoa que não acredita em seu potencial se restringe a sempre se sentir inferior aos outros e a esperar que outras pessoas sempre digam o que, como e quando fazer as coisas.  Enquanto profissionais autoconfiantes, têm iniciativa e sabem o que precisam fazer e aonde querem chegar. Além disso, confiam em seu trabalho e fazem com que os outros também confiem e acreditem em sua performance.

Algumas pessoas são confiantes por natureza, já outras precisam estimular regularmente este habito. Quanto mais você praticar atitudes que contribuam para o alcance a sua confiança, mais autoconfiante você se tornará em seu trabalho e no seu dia-a-dia, para lidar com todas as situações que surgirem pelo caminho.

Para termos autoconfiança, precisamos de autoconhecimento. Da mesma forma que confiamos em quem conhecemos, só podemos confiar em nós mesmos se nos conhecermos a ponto de saber a nossa capacidade e os nossos próprios limites.

4 – Aptidão

Aptidão ou vocação refere-se ao conjunto de talentos ou disposições naturais que cada pessoa tem. Cada um de nós têm capacidades distintas e responde de forma diferente aos estímulos recebidos ao longo da vida. 

Isso faz com que algumas pessoas tenham perfis mais analíticos, outros sejam mais impulsivos; uns têm facilidade em liderar enquanto outros preferem trabalhar em grupo. 

Para aprimorar o dom que nasce com a gente, podemos investir nessa aptidão e praticar algo para desenvolver novas habilidades necessárias para realizar uma atividade com competência. Tanto o dom quanto o talento adquirido a partir do treinamento são capazes de levar você a ser ótimo naquilo que faz.

Você não pode aumentar o tamanho do seu cérebro ou o número de neurônios, mas pode fazer crescer a quantidade de ligações entre os seus neurônios e, assim, aumentar a sua inteligência. Por isso, escolha o que quer fazer e treine, estude, exercite e tenha muito foco.

5 – Competência

A palavra competência está associada à qualidade de quem é capaz de resolver ou realizar determinada tarefa. A competência pressupõe uma ação que agrega valor diante de novas situações.

Ou seja, ser competente é obter resultados no menor tempo, com a menor quantidade de recursos e menor esforço. A competência está totalmente ligada à aptidão, motivação e conhecimento adquirido através do estudo. Todos somos incompetentes em alguma área e temos que ter a humildade de admitir isso para que possamos nos capacitar e melhorar naquilo que não somos tão bons assim. Existem profissionais extremamente competentes, mas não para determinados negócios ou desafios.

6 – Comunicação

Quer ser um bom profissional? Aprenda a se comunicar! Ter boa comunicação é fundamental para conviver em grupo.

A comunicação não depende apenas das palavras, pois apenas 8% do processo de comunicação se dá através delas. A modulação da voz é responsável por 42% da eficiência do processo e é preciso utilizar a maneira correta para ser compreendido. E, por fim, vem a comunicação com o corpo que inclui gestos e postura corporal, responsável por 50% da nossa comunicação.

Saiba que o poder de expressão pode construir ou destruir um relacionamento, um negócio, um objetivo. Por isso, fique atento ao se comunicar!

7 – Emoção

A emoção aparece como o último fator responsável pelo perfil do profissional competente. E acredite: ela vem do cérebro, e não do coração!

É mais fácil para o ser humano ter emoções que pensamentos. Tenha em mente que, as nossas decisões, profissionais ou pessoais, devem ser racionais, porque a emoção só busca o prazer. A razão sabe o momento em que a emoção deve entrar em cena, mas a recíproca não é verdadeira.

Por fim, um profissional competente é uma pessoa:

  • Criativa;
  • Empreendedora;
  • Com capacidade de expressão;
  • Que assume responsabilidades;
  • Atualizado com novas tecnologias.
  • Flexível, mas com regras determinadas;
  • Que estuda sobre o mercado constantemente;
  • Bem atualizado com os acontecimentos políticos e sociais.

Kleber Santana _ CEO da Agência KMC– Marketing Digital
https://agenciakmc.com.br
@agenciakmc

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *